14/06/2014

Como definir um desigrejado?

Desigrejados é uma terminologia gerada entre filiados à instituições religiosas ao se referirem, pejorativamente, aqueles que estão afastados dela. Nem sempre é este o modo como estas pessoas vêem a si mesmas, pois conservam a sua fé, lêem a Bíblia diariamente, oram e procuram andar com Deus.
Eu estenderia a aplicação do mesmo rótulo àqueles que convivem bem com as instituições religiosas, mas não se entendem muito bem com o Senhor da Igreja. Dificilmente uma instituição religiosa rotularia assim um de seus membros, pois estaria assinando seu próprio atestado de incompetência. Talvez esta organização eclesiástica tenha sido expulsa do Corpo de Cristo e não sabe. Tudo o que tem para provar a sua existência é a documentação registrada em cartório.

As críticas mútuas podem parecer com um pelado falando de um mal vestido.

Será que o Noivo e a noiva são personagens de uma cerimônia de casamento onde atuam independentes um do outro?

Ao se afastarem do convívio eclesiástico, este tipo de desigrejado, não estava se afastando de Deus, mas se sentiu mal pastoreados, mal amados ou como vítimas de sucessivas decepções. Acham que determinados comportamentos não deveriam encontrar guarida nas agremiações religiosas das quais participavam, e entenderam que estas agremiações ofereciam espaço para estas ações.

Podemos considerar este, um modo correto de ver a Igreja, mas não justifica o afastamento, nem a rejeição sofrida por parte da Igreja institucional.

Entendo, pelas Escrituras, que a Igreja deve se caracterizar, predominantemente, por um comportamento mais acolhedor do que excludente. Isto não significa acolher ou justificar o pecado pessoal ou comunitário, assim como aos falsos pastores.

Odiar o pecado, mas amar o pecador, é uma frase antiga, mas não sai de moda, assim como ainda está na moda o perdão por parte de ambos.

Continue procurando o remanescente, ele existe e será mais fácil encontrar alguns deles no ambiente da tal Igreja institucionalizada, do que no bar do Zé, nas baladas e nas bocas.

Ubirajara Crespo

A Bíblia do Guerreiro, a estação de tratamento e abastecimento onde você precisa parar todos os dias. O remédio mais eficaz para tratar o seu coração é a Palavra de Deus.