21/03/2016

Calar a boca dos profetas é prioridade do diabo

"Calaboca profético"

A política e a religião era uma coisa só em Israel. A nação era regida por uma forma de governo teocratico onde a interferência divina na política era diária. Foi o próprio Moisés, quem escreveu a constituição nacional, e não o congresso. A Bíblia mostra claramente, que ao regressar, Jesus comandará uma revolução, e assumirá, pela força, o controle do mundo, restabelecendo o antigo regime teocratico. Fará isso durante o Armagedom.
Não é preciso ter um grande conhecimento para saber disso. Ele tão somente evitou fazer isto precipitadamente, pois na sua primeira vinda a sua missão era salvar indivíduos como você e eu. Isto está tão óbvio, nas Escrituras, que para não ver isso, é preciso ser extremamente tendencioso.
Este assunto é abordado em escolas dominicais, em todo o mundo e não apenas em faculdades teológicas. Eu aprendi isto na classe de candidatos ao batismo, logo que me converti.

Sou pastor, mas não deixei de ser cidadão e Jesus ainda não me tirou deste mundo e nem disse pra Igreja deixar de salgar.

Ora, eu sou pastor, mas isto não faz com que eu deixe de ser cidadão. Tem muita gente incomodada com minhas palavras tentando aplicar em mim um "calaboca profético", e não será um articulista isolado, que nem sequer conheço, que o fará.

Estes mensageiros do rei de Israel tentaram convencer o profeta a não fazer críticas. 

Será que é isso que estão tentando fazer comigo?

“O mensageiro que tinha ido chamar Micaías lhe disse: “Veja, todos os outros profetas estão predizendo que o rei terá sucesso. Sua palavra também deve ser favorável”.
1 Reis 22:13.


A Bíblia do Guerreiro, a estação de tratamento e abastecimento onde você precisa parar todos os dias. O remédio mais eficaz para tratar o seu coração é a Palavra de Deus.