23/01/2016

Leilão de fé

O jovem que deu um lance em um ilusório leilão religioso.



"Eis que alguém se aproximou de Jesus e lhe perguntou: “Mestre, que farei de bom para ter a vida eterna?” 

A pergunta deste homem presumida que, ele tivesse, dentro de si, uma máquina capaz de produzir grande quantidade de bondades, capazes de torná-lo merecedor da vida eterna.

Respondeu-lhe Jesus: “Por que você me pergunta sobre o que é bom? Há somente um que é bom. Se você quer entrar na vida, obedeça aos mandamentos”.”
Mateus 19:16-17 

A resposta de Jesus foi simples e direta: Somente Deus tem um coração capaz de produzir uma quantidade de bondades muito além do mínimo necessário. É por este motivo, que ele tem habilitação para possuir a vida eterna em si mesmo, sendo capaz de oferecê-la à toda a humanidade.

Este jovem deveria estar no livro de Guiness, por fazer a pergunta mais idiota do mundo.

Jesus não é um leiloeiro tentando convencer os ricos participantes a dar lances cada vez maiores. Ele não exercia uma atividade lucrativa para ele e para o proprietário da salvação oferecida no bater do martelo. 

Talvez o jovem fosse rico e soberbo o suficiente para pensar em dar o lance vencedor. Leio está conversa particular entre ele e Jesus do seguinte modo: me diga o que você pretende lucrar com esta venda, que eu já lhe dou agorinha mesmo. 

Vendido para o cavalheiro!

Ora, a salvação é de graça, não visa lucro por parte do seu doador e nem produz dividendos extras para os seus maiores acionistas.

Jesus mostrou aqui, quão difícil é um rico entrar no céu. Pois o bilhete de entrada é a fé, a doação  pessoal e não uma oferta irrecusável. Teria de estar disposto a trocar a sua riqueza de mãos. Não das suas mãos para as mãos do leiloeiro, mas de terceiras mãos, as dos pobres. 

No Reino de Deus há doações mais valorizadas do que bens terrenos. Sensibilidade com a miséria alheia é uma delas, desprendimento é outra é muito mais poderia ser acrescentado.

Este homem encarnava, antecipadamente, as vítimas dos modernos leiloeiros religiosos, que ao invés de incentivar o desprendimento, incentivam a ganância: Vem para Jesus, que ele fará você ficar rico.

A fé em Jesus não é um banco de investimento, mas de vida, de amor, de paz e de misericórdia.

Quanto você está disposto a investir nele? Jesus pediu para este jovem, muito mais do que dinheiro ele pediu omseu coração. E era exatamente isto que aquele rapaz não tinha para dar.

Ubirajara Crespo 
A Bíblia do Guerreiro, a estação de tratamento e abastecimento onde você precisa parar todos os dias. O remédio mais eficaz para tratar o seu coração é a Palavra de Deus.